Vidro
Para fazer vitrais e painéis coloridos, é preciso praticar cortando vidros em linhas retas e curvas, até ter habilidade e segurança para que o trabalho se torne simples.



O que é preciso

VIDRO DE 3 mm PARA PRATICAR
CORTADOR DE VIDROS, RÉGUA OU QUALQUER BORDA RETA,
ALICATE DE VIDRACEIRO (opcional),
ÓCULOS DE PROTEÇÃO LIXA PARA VIDRO OU PEDRA DE CARBURETO DE SILÍCIO.
Cortar vidros é mais fácil do que parece e requer poucas ferramentas. Mais que de força, é sobretudo uma questão de técnica. Sempre que cortar vidros observe as normas de segurança (veja na página seguinte) e mantenha as crianças longe do local de trabalho.
A ferramenta mais importante é o cortador de vidros. Evite os de mais de uma lâmina, pois são mais difíceis de manejar. Se pretende fazer muitos trabalhos de corte, recomenda-se comprar o de melhor qualidade possível. O cortador de vidros tem uma roda de aço frio que risca a superfície do vidro e, ao se exercer pressão no verso desse risco, o vidro parte-se no lugar desejado. Recomenda-se praticar com vidro transparente de 3 mm.

O VIDRO CORTADO É USADO EM: envidraçamento e vitrais coloridos para janelas • mosaicos.
As técnicas básicas necessárias para fazer vitrais são a destreza para cortar o vidro e a segurança para parti-lo.
Não é preciso ter medo de se cortar (quanto mais firme estiver manipulando o vidro, melhores resultados obterá no corte e na ruptura). Convém praticar primeiro com os cortes retos.
TIPOS DE VIDRO
Existem dois tipos diferentes de vidro. O primeiro é o feito à máquina, conhecido como vi-dro laminado, vendido em uma grande variedade de tons e texturas. Pode ser dividido em dois grupos: o vidro opali-no, que não é transparente e costuma ser empregado em iluminação. como nas lâmpa-das Tiffany, o outro é o vidro catedral, transparente e fabri-cado em diversas cores. Este tem um lado mais brilhante que o outro, devido ao proce-sso de fabricação.
O segundo tipo de vidro é o antigo, que se sopra com a boca. É um vidro irregular, com atraentes variações de cores. Se olhar através dele, observará pequenas bolhas de ar presas no interior. É muito mais caro que o vidro laminado. Também existe imitação de vidro antigo, feita à máquina.
1 - Pratique pegando o cortador até se sentir adaptado a ele. Mantenha-o na vertical e exerça pressão contínua sobre a superfície do vidro em sua direção, com a base do cortador paralela ao vidro.
2 - Use uma borda reta como guia. Segure o cortador com firmeza, risque o vidro, deslocando-o suavemente e reduzindo a pressão ao chegar ao final da linha de corte.
CORTADOR DE VIDROS
É preciso acostumar-se a segurar o cortador de vidros. Depois, exerça uma pressão contínua sobre o cortador, durante todo o tempo em que o desloca sobre o vidro, mantendo a base paralela ao vidro. A mola deve ser lubrificada com um óleo fino. Para cortar em linha reta, use uma borda reta como guia e, depois, parta o vidro riscado. Para as linhas curvas, trace o desenho e siga os traços do mesmo. Com a bola da extremidade do cortador de vidros,
dê pequenos golpes por baixo do risco. Isso fará com
que o vidro se parta ao longo do risco.

ALICATE DE VIDRACEIRO
Se tiver de cortar muito vidro, ou se
precisar de tiras, finas. Vale a pena
utilizar um alicate de vidraceiro
São acionados por mola
e ajudam a segurar
o vidro.
hit counter
Categorias