Ponto caseado
O que é preciso:
• Agulha • linha
• tesoura • tecido liso
Usado por bordadeiras e costureiras , o ponto caseado (festão ou caseado aberto) é muito útil para evitar que o tecido desfie e em trabalhos decorativos. O ponto caseado consiste em uma seqüência de pequenos pontos verticais e retos, ligados entre si por uma laçada. É um ponto muito antigo e tradicional, usado há séculos para arrematar cobertores e casas de botões, daí o nome.
Trabalha-se o caseado da esquerda para a direita: a agulha é puxada de cima para baixo, por cima da linha de bordar. Para um bom acabamento, todos os pontos devem ter a mesma altura e ficar rigorosamente paralelos entre si.
Em trabalhos de decoração, como nas aplicações, no patchwork ou no bordado mexicano, os pontos variam. Para contornar uma flor, por exemplo, os pontos não são iguais nem paralelos, nem ficam em linha reta.
Alterando-se o comprimento dos pontos, obtêm-se vários e diferentes efeitos decorativos; pode-se, por exemplo, alternar pontos mais altos e mais baixos, separados ou reunidos em pequenos blocos de dois ou três pontos da mesma altura.
O caseado é usado para arrematar bordas arredondadas em guardanapos ou lenços. Variações deste ponto, como o caseado aberto ou o caseado cheio, são usadas também em bordados mais delicados, como recortados e ponto-sombra.

USE O PONTO CASEADO:
para arrematar barras cortadas • para rebordados.

Este é um dos pontos de bordado mais usados. Serve para arrematar barras cortadas de tecido e também como ponto decorativo. São variações deste ponto tão prático o ponto caseado simples e caseado cheio.

Os pontos caseado e caseado cheio são feitos do mesmo modo e são incrivelmente versáteis. São práticos, decorativos, rápidos, fáceis de fazer e têm diferentes propriedades

1- Para começar a bordar com ponto caseado, puxe a agulha em A, fure em B e puxe novamente em C, passando a linha por baixo da agulha.
2- Segure o fio da laçada com uma das mãos e, cuidadosa-mente, torne a passar a agulha através do tecido, como na etapa I, passando a linha novamente por baixo da agulha.
3- Trabalhe da esquerda para a direita. Os pontos devem ficar paralelos uns aos outros e manter entre si sempre a mesma dis-tância. Pode-se fazer pontos mais separados ou mais juntos.
Toque Final
Se tiver que lavar o bordado, lave à mão e passe a ferro enquanto estiver úmido.
Se a peça for de seda, passe quando estiver seca

CASEADO DE BORDAS
ARREDONDADAS


R
isque duas linhas arredondadas na borda do tecido. Alinhave alguns pontos entre as duas linhas do risco. Cubra a área entre os riscos com ponto caseado, acompanhando o risco. As laça-das do ponto caseado devem coincidir com o risco da borda externa. Para arrematar, recorte o tecido junto às laçadas, mas sem cortar as laçadas.
CASEADO DE APLICAÇÕES
REDONDAS


Ao bordar à volta de  aplicações circulares, é impossível fazer pon-tos paralelos. Neste caso, os pontos devem ser ligeiramente inclinados, todos em direção ao centro da circunferência (como acima).
hit counter
Categorias