Técnicas especiais em papel vegetal
Alisado
Realiza-se com o boleador em forma de aro. Mesmo exercendo muita pressão sobre o papel, o efeito é suave. É ideal para trabalhar em babados.
Decalcado com tinta
nanquim ou caneta
de tinta
dourada e ponta fina


Existem tintas de
diferentes qualidades,
densidades e cores.
Para garantir uma
consistência
sempre
fluída, convém
agitar o
frasco de vez
em quando.
Decalcado com caneta de tinta
dourada e ponta grossa


Em alguns modelos pode ser utilizada substituindo a caneta bico de pena.
Convém agitar de vez em quando para evitar que deixe gotas que manchem o papel.
A caneta de tinta dourada com ponta extra fina substitui sem problemas à caneta bico de pena e permite economizar tempo. Por outro lado, é mais fácil conseguir linhas contínuas, regulares e bem feitas.
Decalcado com
tinta nanquim preta e pincel.


Em primeiro lugar é preciso decalcar o desenho pela frente do papel com uma caneta hidrográfica preta de ponta metálica.
Depois se pintam os dois lados do desenho utilizando tinta nanquim e um pincel de cerda macia. É a melhor forma de conseguir a intensidade dese-jada. Quando a superficie está pintada somente pela parte de trás, os detalhes do desenho devem ser intensificados pela frente do papel com lápis de cor polychromo.

Decalcado com caneta hidrográfica preta de ponta metálica.

O resultado é muito parecido ao trabalho realizado com tinta nanquim e pincel. Existem canetas hidrográficas de diferentes grossuras (0,1a 0,7) com as quais podemos conseguir um trabalho bem feito, limpo e rápido. Além disso são as mais utilizadas para decalcar. Para um melhor resultado, é importante começar e terminar o traço sem deixar pontos no meio.
hit counter
Categorias
Riscos para papel Vegetal